Social

definição de trabalhador

O fim trabalhador é usado para se referir às seguintes questões: aqueles que trabalham, trabalhadores e tudo relacionado a eles.

Trabalhador manual que recebe um salário em troca de seu trabalho e que geralmente trabalha em canteiros de obras e indústrias

Em qualquer caso, o uso mais difundido é referir-se ao trabalhador manual assalariado, também conhecido como operário.

O trabalhador é um indivíduo adulto, ou seja, atingiu a maioridade, facto que o habilita a exercer um serviço, e que desempenha o seu trabalho para uma empresa ou para uma determinada pessoa, ou seja, pode ser contratado por uma grande empresa ou por pessoa física.

Entre os dois é estabelecido um vínculo trabalhador-patrão, no qual o trabalhador está subordinado às diretrizes do patrão. Em troca do seu trabalho recebe uma remuneração previamente combinada e antes de ser contratado.

O trabalhador geralmente executa em canteiros de obras, como é chamado o edifício ou estrutura em construção, em que se realiza uma obra deste tipo, ou, na sua falta, se está a reparar um edifício avariado. “Os três trabalhadores que contratámos não foram suficientes para terminar a obra na esplanada e por isso tivemos que prolongá-la mais alguns dias”.

E o outro ambiente de trabalho em que a presença de trabalhadores também é recorrente é no indústria, também aqui chamados de operativos, os trabalhadores são aqueles que têm a missão de realizar a produção da indústria em questão.

Geralmente, nas grandes indústrias a cada um dos trabalhadores é atribuída uma tarefa que deve ser realizada em tempo hábil, pois é em relação às demais que seus colegas implantam e que permitem a fabricação de um produto.

Já o trabalhador pode trabalhar na condição de dependente, ou seja, contratado por empresa em que exerce sua função e cumpre um cronograma, ou pode trabalhar de forma autônoma, administrando seu tempo sozinho e trabalhando para mais de uma pessoa ao mesmo tempo tempo.

Em qualquer caso, o primeiro caso é o mais comum para este tipo de trabalhador.

Um conceito que surgiu fortemente durante a Revolução Industrial

Seria a partir da Revolução Industrial, acontecimento histórico mais relevante da história em termos de desenvolvimento da indústria, que novos modos de produção e também em termos de relações produtivas passariam a ser determinados.

É assim que o proletariado, formado pelo grupo de trabalhadores que trabalhavam nas novíssimas e incipientes fábricas inauguradas em massa a partir da Revolução Industrial, passou a ser considerado como a classe social que emprestava sua força de trabalho em troca da recebimento de salário ou compensação econômica. Enquanto isso, sua localização dentro da pirâmide social estaria na parte mais baixa, compondo a classe baixa da sociedade.

Do outro lado da estrada surgiram os capitalistas, os donos dessas fábricas, que eram os donos dos meios de produção e que estabeleceram as regras de trabalho para o proletariado, que não tinha mais nada a fazer.

Isso ficou claro até que começaram a surgir, no século seguinte, as organizações sindicais que se preocupavam e se preocupavam em melhorar as condições dos trabalhadores.

Um membro da classe trabalhadora que contribui com o fator trabalho para o sistema econômico

O trabalhador se integra, faz parte do que se conhece como classe operária, que é a classe social a que pertence o conjunto de indivíduos que surgiriam em decorrência do trabalho assalariado.

Em uma economia moderna como a de hoje, a classe trabalhadora é aquela que contribui para o sistema econômico o fator trabalho A pedido da produção, entretanto, eles recebem em troca um salário dos proprietários dos meios de produção.

A classe trabalhadora está em uma escala social menor do que a classe capitalista que é precisamente o que o capital contribui para o processo de produção.

Por outro lado, o conceito de classe trabalhadora é utilizado para distinguir os trabalhadores assalariados da indústria de outros grupos como os trabalhadores rurais, os autônomos, os empregados em serviços, entre outros.

Devemos dizer também que o conceito é amplamente utilizado como sinônimo de trabalhador, embora, claro, ultimamente este último termo seja o que tem ganhado força em nossa linguagem para se referir a trabalhadores.