economia

definição de crédito comercial

O conceito de que trataremos a seguir é amplamente utilizado, como o próprio nome já antecipa, na esfera comercial e empresarial.

Entretanto, é uma ação muito comum a valorizar nas áreas acima mencionadas.

O crédito comercial consiste na oferta de crédito por um fornecedor de produtos e serviços ao seu cliente, permitindo-lhe pagar posteriormente, ou seja, no futuro. Ambos concordam em uma data de pagamento que obviamente o cliente deve respeitar e cumprir, pois caso contrário ele poderá ter alguma ação judicial contra ele por não respeitar o prazo estipulado.

Sem dúvida, esta ação comercial é uma daquelas utilizadas e estendidas no mundo comercial pelas empresas, mesmo em termos de utilização se aproxima dos empréstimos típicos oferecidos pelas instituições financeiras que são as que assumem a liderança.

Devemos atribuir a enorme difusão ao fato de que esta ação permite ao cliente comprar uma mercadoria que ele já necessita em sua loja e pagar por ela posteriormente. Provavelmente essa mesma mercadoria já vendida permitirá que você faça parte do pagamento da mesma ao fornecedor. Neste caso, a contribuição do empréstimo comercial visa diretamente constituir um financiamento pendente da empresa.

Além disso, o crédito comercial acaba por ser um grande recurso para aquelas pequenas e médias empresas que estão a surgir no negócio e por isso este crédito é uma excelente alternativa de investimento para impulsionar a proposta comercial.

Agora, é importante enfatizarmos que este tipo de ações terá um certo impacto nas finanças da empresa que compra a pagar e, portanto, deve deixá-lo registrado em suas contas para evitar complicações futuras no pagamento. Um deles, como observamos acima, não tendo o dinheiro na hora deve cancelar o pagamento.

É preciso ser muito responsável e estar atento a esses números para que, como dissemos, não sejam geradas desse crédito situações financeiras de risco que ponham em risco a rentabilidade de um negócio.