em geral

definição de versatilidade

Mais de um valor, uso e aplicação

O conceito de versatilidade é usado para designar a propriedade de versatilidade que algo possui. Falaremos de algo que é versátil quando tem mais de um valor, uso ou aplicação.

Os conceitos de versatilidade e versatilidade são aplicados em vários campos, porém, em alguns como o médico, é onde nos é mais familiar, pois é usado em associação com questões como as vacinas. Quando uma vacina é polivalente, é porque sua aplicação será eficiente no combate a diversos patógenos.

Por outro lado, quando o conceito é aplicado às pessoas, permite-nos dar conta do valor que detém em vários contextos ou que é capaz de nos oferecer mais do que um serviço ou solução para os problemas que surgem.

Basicamente, o versátil será valioso, excelente ou útil em algum sentido.

Versatilidade, um valor em demanda no local de trabalho

Com um exemplo concreto veremos melhor o alcance do conceito ... Quando a pedido de uma empresa se diz que um funcionário é versátil, é porque está provado que pode desempenhar mais do que uma função ou tarefa, para além aquele originalmente desenvolvido e para o qual foi contratado.

Essa versatilidade pode ser influenciada pela versatilidade do funcionário que permite que ele aprenda outras tarefas rapidamente ou até mesmo o fato de ser um funcionário veterano tem um impacto, ou seja, se ele está há muito tempo na empresa, isso vai dê-lhe um conhecimento extra de todos os movimentos e operações do pessoal que lhe permitirá, por exemplo, substituir um colega que estava ausente.

Como consequência, cada vez mais empresas estão direcionando suas buscas de empregos para profissionais que respondem de forma satisfatória no aspecto da versatilidade. Porque é mais um valor que o candidato pode possuir, além de conhecer idiomas, informática, entre outros.

Aplicação do conceito em Química

Enquanto isso, em química, polivalente é chamado de elemento químico que possui várias valências. As valências são os números que nos permitem saber a capacidade de combinar um átomo com outro e assim chegar à criação de um composto.

Devemos dizer que aquele que nos preocupa não é um conceito amplamente utilizado por todos, é mais comum utilizá-lo em contextos formais e não na linguagem comum. Para se referir exatamente à mesma coisa, é mais comum que as pessoas usem o termo polifuncional.